7 dicas para ter mais segurança na obra da loja de varejo

por Magna Fernandes 30-01-2018 10:57
Entre em contato:

 

seguranca-obra.png

Com o reaquecimento da economia, empresas de shopping centers tendem a elevar seus investimentos, redes de varejo retomam antigos projetos para novas lojas. Mas, sendo este período anterior ao funcionamento da loja, significaria dizermos que não envolveria riscos ou perdas? Eu diria que não, as perdas podem estar presentes também nesta fase. Na verdade, por trás dos bastidores de uma obra, seja ela de instalações públicas ou comerciais, existem soluções que orientam e organizam pessoas e processos aliados à tecnologia e Segurança, visando justamente os riscos envolvidos nas obras.

Para auxiliar os varejistas nesta fase, listei 7 dicas que trarão mais segurança na obra da loja de varejo e ambientes comerciais:

 

1. Quando se tratar de um novo espaço, construa armazéns e muros com sensoriamento de alarmes, logo no início da obra.

2. Contrate segurança patrimonial para operacionalizar o controle de acesso.

3. Implante catracas eletrônicas para gerenciar o controle de acesso dos profissionais que irão trabalhar na obra, assim como de todas as pessoas que terão acesso ao local. Estas medidas devem ser aliadas a crachás ou, seguindo uma linha mais moderna, o reconhecimento facial ou controle biométrico.

4. Para inibir ações ilícitas de furtos internos durante a obra, é importante ter circuito fechado de TV (CFTV) em pontos estratégicos de riscos com alto valor agregado.

 

Todos estes sistemas podem trabalhar de forma inteligente e integrada, facilitando o controle do projeto e são aliados essenciais para perdas existentes nas obras.

 

5. Para garantir melhores resultados, contrate uma Consultoria.
Há alguns anos, tive a experiência de gerenciar a área de Prevenção e Risco de 10 obras simultâneas que estavam sendo realizadas por uma grande incorporadora. A área de suprimentos tinha dificuldades de encontrar uma empresa especialista em todas as soluções. Se comprava de duas ou mais empresas, os processos administrativos aumentavam porque a gestão dessas soluções não era centralizada e não havia comunicação, já que se tratavam de empresas distintas com perfis e qualidade de níveis diferentes.
Além disso, as empresas que ofertavam soluções tecnológicas não possuíam consultores especializados em Segurança, Prevenção e Riscos que pudessem nos orientar sobre os locais com maiores riscos e nos dessem indicadores, já que obra a todo momento se modifica conforme a sua evolução. Neste cenário, o apoio de uma consultoria técnica com foco em Riscos, Prevenção e Segurança seria o ideal para a condução do projeto.

6. Quando a obra já apresentar robustez, dê mais segurança e praticidade aos usuários com soluções para combate a incêndio e climatização, monitoramento de alarmes e câmeras de segurança 24 horas por dia e automatização de todas as operações de modo que possam atender aos usuários em uma única central informatizada.

7. Garanta o gerenciamento de todas as operações além do registro de novos procedimentos e treinamento de novos profissionais de segurança patrimonial.

 

Sem dúvida, o cenário de um projeto ideal é ter todos estes passos gerenciados por uma só empresa que tenha expertise e recomendações para facilitar e centralizar todas operações necessárias, não somente da construção civil como de qualquer segmento que necessite de um processo enxuto, eficaz e que preze a qualidade.

 

Mais sobre consultoria e prevenção de perdas:

Loja em São Paulo inclui sistemas antifurtos desde o projeto

13 dicas para prevenir furtos nas lojas de varejo

A Amazon e o combate aos furtos em centros de distribuição

 

TUBCamera solução CFTV para grandes espaços

Topics: Arquitetura, CFTV, O profissional de Prevenção de Perdas